EXPERIÊNCIA AUDIOVISUAL

 

Juliana Colares é recifense e mora no Rio de Janeiro. É roteirista de ficção, documental, entretenimento e institucional, com bagagem de 10 anos de experiência jornalística nas áreas de política, polícia, saúde, educação, urbanismo e direitos humanos. Recebeu dois dos mais reconhecidos prêmios da história do jornalismo, o Esso e o Embratel. É roteirista do longa metragem documental "Por onde anda Makunaíma?", vencedor do prêmio de Melhor Filme do Festival de Brasília, em 2020, selecionado para a mostra competitiva do Festival Internacional de Cinema de Havana e indicado ao Prêmio Abra de Melhor Roteiro de Documentário. Participou com a série "Mangue Sujo", de sua autoria, do 19º Curso de Desarrollo de Proyectos Audiovisuales Iberoamericanos, realizado por Ibermedia, em Madri, em 2021, primeiro das narrativas seriadas no programa. Com o mesmo projeto, conquistou o 3º lugar no concurso de roteiros do Frapa, em 2020, categoria piloto de série, e participou do Frapa Lab. Em 2022, é uma das cinco selecionadas para a residência artística Base, com o longa de ficção "Marina". Atualmente, participa da sala de roteiro de uma série de ficção para um grande streaming. Entre os últimos trabalhos desenvolvidos estão as série de ficção DOM (Conspiração | Amazon), As próximas horas serão definitivas (Pequena Central), X9 (Kinofilmes | TNT) e uma série de comédia para A Fábrica. Também é roteirista das séries documentais Imortais da Academia (Giros | Canal Curta), Latitude, Longitude (Giros | Canal Curta) e Mulheres na Luta (Conspiração | Canal Combate). E dos programas de entretenimento NBA Freestyle (Grupo Sal | Band) e Bela Cozinha (Conspiração | GNT). Assina pesquisa e elaboração de pautas do longa doc Refavela 40 (Conspiração | HBO), indicado a Melhor Programa de Arte no Emmy Internacional 2020. É agenciada por Mari Brasil. Em 2021, passou a integrar a Rede Paradiso de Talentos e assumiu o cargo de diretora financeira da Associação Brasileira de Autores Roteiristas (ABRA).

 

ROTEIRISTA EM:

​. Série de não-ficção Happy Hour com Mariana Ximenes (D+ | GNT)

. Série de ficção As Próximas Horas (Pequena Central)

. Série de ficção X9 (Kinofilmes |TNT)

. Série de ficção Flashback (A Fábrica | Globoplay / GNT)

. Longa-metragem documental Por onde anda Makunaíma?

. Série de ficção DOM (Conspiração | Amazon)

. Criadora da série de drama sombrio Mangue Sujo

. Série documental Imortais da Academia (Giros | Canal Curta!)

. Série documental Latitude, Longitude (Giros | Canal Curta!)

. Série documental Mulheres na Luta (Conspiração | GNT / Canal Combate)

. 4ª temporada do Bela Cozinha, roteiro e coordenação de roteiro (Conspiração | GNT)

. Roteirista fixa na Conspiração Filmes (setembro de 2017 - agosto de 2018)

. NBA Freestyle, série de esportes e entretenimento da NBA Brasil (Grupo Sal |Band)

. 3ª temporada do Futura Profissão (Cine Group |Futura)

. Série Meu corpo não é seu, sobre violência contra a mulher, para canal do Youtube de mesmo nome

. Campanha institucional com roteiros documentais para a marca de cognac Martell, produzida pela MediaLab

PESQUISADORA EM:

​. Longa-metragem documental Por onde anda Makunaíma?

. Longa-metragem documental Refavela 40, pesquisa de roteiro e pautas (Conspiração |HBO) Indicado a Melhor Programa de Arte no Emmy Internacional 2020

. Série documental Imortais da Academia (Giros | Canal Curta!)

. Série documental Latitude, Longitude (Giros | Canal Curta!)

. 3ª temporada do Futura Profissão (Cine Group |Futura)

. 1ª temporada da série Marmitas & Merendas (A Fábrica | GNT) 

. 3ª temporada do Que Marravilha – Revanche (Zola |GNT) 

. 1ª temporada da série Reforma de Casais (Cine Group |GNT)

PARTICIPAÇÃO EM COMISSÃO JULGADORA DE ROTEIROS:

. Prêmio Cabíria, 2019

EXPERIÊNCIA JORNALÍSTICA

Repórter entre os anos de 2005 e 2015, com experiência na cobertura de política, saúde, polícia, justiça, direitos humanos, urbanismo, educação, entre outras temáticas, nos seguintes veículos: 

. TV Jornal - afiliada do SBT em Recife

.Diario de Pernambuco - repórter do caderno de cidades e repórter especial 

. Correio Braziliense - repórter sênior de política nacional, cobrindo Congresso Nacional e Planalto, principalmente
 

PRÊMIOS & LABS

. Selecionada para o 19º Curso de Desarrollo de Proyectos Audiovisuales Iberoamericanos, residência de roteiro de seis semanas, em Madri, com Mangue Sujo (2021)

. Melhor Filme no Festival de Brasília para Por onde anda Makunaíma? (2020)

​. 3º lugar no Concurso de Roteiros do Frapa, categoria piloto de série, com Mangue Sujo (2020)

. Selecionada para o Frapa Lab, com Mangue Sujo (2020)

. 2º Melhor Pitching do Júri Oficial do III ROTA, com Mangue Sujo (2019)

. Finalista do Laboratório de Projetos de Série do III ROTA com Mangue Sujo (2019)

. Vencedora do Prêmio Embratel, categoria nacional Reportagem em Internet e Portal de Notícias (2014), com a websérie Filhos do Golpe, veiculado no site  do Diario de Pernambuco

. Vencedora do Prêmio Esso, regional Norte / Nordeste (2010), com o caderno especial Caminho sem Volta, sobre a epidemia de acidentes de moto no Nordeste, publicado no Diario de Pernambuco

. Vencedora do Prêmio CNT, categoria Grande Prêmio - Nacional (2010), com Caminho sem Volta

. Vencedora do Prêmio Urbana, categoria Reportagem Impressa (2010), com Caminho sem Volta

FORMAÇÃO 

. Comunicação Social / Jornalismo – Universidade Federal de Pernambuco (2002–2006)

. Formação livre em roteiro – Academia Internacional de Cinema (AIC) (2015.2-2016.1)

. John Yorke Storytelling for Scripted TV (2022)

. Workshop Criação para roteiro audiovisual com Miguel Machalski (Instituto B_arco) (out/2016)

. Masterclass sobre séries de TV com David F. Mendes (jul/2017)

. Curso de Roteiro de Piloto, com David F. Mendes (out a dez/2017)

. Curso de roteiro adaptado, com David F. Mendes (jan/2019)

. Curso avançado de escrita de cena, com David F. Mendes (2019)

. Roteiro para animação infantil, com Gabriella Mancini (2020)

. Estruturas narrativas para longas-metragens, com Alice Name-Bomtempo e Vitor Medeiros (2020)

. Produção Executiva – Academia Internacional de Cinema (AIC) (jan/2015)

. Escrita Literária, com Marcelino Freire (2020)

. Gatilhos de Escrita, com Tayná Saes (2020)

. A escrita das vozes: monólogos, diálogos, polifonias, algazarras, com Veronica Stigger (2021)

. Então eu grito, oficina de criação literária, com Veronica Stigger (2021)